segunda-feira, 4 de abril de 2011

32 anos de Heath Ledger

Mais uma vez, vivenciamos esse 4 de abril tão enigmático. Um misto de alegria, por sabermos que foi neste dia que nosso astro tão querido chegou a esse mundo, e tristeza, por ele não poder comemorar seu aniversário com seus entes queridos.


O mínimo que nós, do HLB podemos fazer é postar as homenagens de quem de certa forma, sempre vai manter o Heath vivo: seus fãs.


Esse ano, alguns fãs  além das tradicionais homenagens com montagens, músicas e poesias (todos lindos como sempre), também me mandaram um pouquinho de suas histórias, de como se tornou fã de Heath. Acho que apesar de poucos terem me enviado homenagens, essa será uma das mais emocionantes, desde que eu trabalho aqui. Principalmente porque eu resolvi interagir e contar a minha história também, afinal, além de "dona" desse blog, eu sou muito fã de Heath Ledger.


Abaixo seguem a minha e a homenagem de todos vocês que me mandaram:


Cristal Gomes
Minha história como fã de Heath teve início em 2003, ano que a série Dawson's Creek estava terminado (justamente quando comecei a assistí-la) e eu virei fã de Michelle Williams, que interpretava uma das personagens centrais. Aos poucos fui acompanhando sua vida e carreira, até que em 2004 ela começou a namorar um tal de Heath Ledger (já tinha assistido O Patriota e Coração de Cavaleiro, mas não lembrava tanto assim dele), que estava filmando com ela O Segredo de Brokeback Mountain. Com o relacionamento deles ficando cada vez mais sérios, com toda a grande demonstração de amor entre eles...eu acabei me tornando fã do Heath também, acompanhando com toda a grande alegria de fã o nascimento de Matilda (símbolo maior do amor entre eles), o sucesso de Brokeback, a indicação dos dois ao Oscar, seus trabalhos. Lembro exatamente do dia em que li na internet, que Heath havia sido o escolhido para dar vida ao novo Coringa (o que eu adorei, já que desde pequena era fã de Batman) e também da notícia da separação em 2007, que me deixou triste mas me trouxe um enorme desejo de que mesmo separados, ambos fossem muitos felizes, unidos para sempre pela Matilda...mas pouco tempo depois, começavam a pipocar na mídia boatos e mais boatos envolvendo Heath, suas noitadas, suas mulheres. Algo que eu confesso que na época, me decepcionou um pouco como fã (naquele tempo, eu ainda não sabia o poder dos boatos, ahá). Mas logo surgiram novidades e mais novidades sobre O Cavaleiro das Trevas, e o orgulho e curiosidade foi voltando.
Dia 22 de janeiro de 2008? Dói, mas sim, eu lembro dele. Era pleno verão e o dia estava horroroso, com chuva e até um pouco de frio. Eu havia passado o dia me divertindo em família, até que chegando em casa, abrindo a home da Globo.com, eu li a notícia que modificou a minha (e acredito que a de vocês também) vida. Não gosto de relembrar dos meus sentimentos nesse dia e nos meses seguintes, quero me transportar para julho de 2008, quando assisti Batman-O Cavaleiro das Trevas e me deparei com uma das melhores atuações que já vi na vida (e olha que não gostei tanto do personagem Coringa) e aumentei ainda mais meu orgulho e vontade de que a justiça fosse feita e ele ganhasse um Oscar, o reconhecimento máximo de que seu trabalho foi espetacular. Desde então, a vida seguiu, comecei a ser presente nas redes sociais, onde conheci amigos tão fãs quanto eu, passei a frequentar como simples leitora o Heath Ledger Brasil, sem jamais imaginar que pouco tempo depois ele seria "meu"...e assim a vida continua seguindo, o blog já mudou bastante, o último filme de Heath já saiu até em DVD e Blu-Ray, mais um filme do Batman vai ser lançado, as notícias diminuindo e nosso amor se transformando...e a cada dia ele se transforma ainda mais, nos unindo aqui mais uma vez. Tenho certeza de que todos nós tem o mesmo sentimento por cada coisinha, cada lembrança que temos dele (DVDs, bonecos do Coringa, fotos, reportagens recortadas, tatuagens-como é o  meu caso, qualquer dia eu a mostro aqui)...então vamos celebrar esse dia com muita alegria!!


Aninha Preto




Raquel Morelli


MINHA HISTÓRIA DE CINEMA
Meu ídolo, meu personagem principal.

Durante toda a minha vida, tive algumas paixões platônicas... A maioria eram os ídolos do cinema e da televisão: Johnny Depp, Adam Brody e outros.
Mas nunca imaginei que algum dia teria uma paixão platônica que fosse TÃO significativa e tão inesperada, da forma como as coisas aconteceram...
HEATH LEDGER surgiu na minha vida de um jeito que foi meio “despercebido” por mim: em 2005 assisti a um pedaço do filme “Coração de Cavaleiro” e me lembro que e fisionomia do personagem principal de certo modo me marcou, porém nunca fui atrás de ver o resto do filme ou saber quem ele era. Ganhei em 2006 o filme “10 Coisas que eu Odeio em Você”, porém nunca tinha visto esse filme e confesso que não era o filme que eu queria ter ganhado. E nem me toquei de que o personagem principal desse filme era o mesmo de ‘Coração de Cavaleiro’.
O tempo passou e no início de 2008, tipo dia primeiro de janeiro, me disseram para ver o trailer do filme novo do Batman, “O Cavaleiro das Trevas”, porque o Coringa, pelo visto, era muito louco, tinha a maquiagem borrada e um aspecto sombrio.
Lembro que aquilo não saia da minha cabeça, eu não parava de pensar em como seria esse tal Coringa, até que eu assisti o trailer e realmente comprovei: estava diante de um mito. Quem é aquele ator que conseguiu me deixar paralisada com um desempenho em um TRAILER apenas?? Se eu já tinha ficado assim vendo o trailer, imagina como seria o filme todo??
Pesquisei por toda internet até que descobri o nome do ator: HEATH LEDGER...  Vi fotos e percebi que aquele rosto não me era estranho...
Pesquisei sua filmografia e lá encontrei nomes de filmes muito conhecidos, como “10 Coisas que eu Odeio em Você” e “Coração de Cavaleiro”, mas será que o loirinho-bonitinho-do-filme era o mesmo personagem sóbrio que eu tinha visto?
Confirmei que era. Tanto o loirinho quanto o moreno que canta em “10 Coisas”.
Daí por diante foi um passo até ele virar meu mais novo ídolo.
Comecei a colecionar fotos, assistia incontáveis vezes ao trailer, buscava entrevistas dadas por ele, conhecia mais de sua vida, até que... ALGO COMPLETAMENTE INESPERADO POR MIM, INIMAGINÁVEL , ACONTECEU:
Era noite de 21 de janeiro e do nada, decidi escrever sobre ele em meu caderno, devo até ter sonhado alguma coisa, enfim. Acordei no dia seguinte, 22 de janeiro de 2008, tudo ocorria normalmente até que estava assistindo “Jornal Nacional” e Renato Machado anunciou: “O ator australiano HEATH LEDGER foi encontrado morto em seu apartamento...” Não me lembro de mais nada depois disso. Só sei que não acreditava.. Entrei na internet, tentei dormir e não consegui, passei meu aniversário de 15 anos, 6 dias depois pensando nele.. Instantaneamente, da mesma forma que ele surgiu na minha vida, ele “desapareceu”.
Confesso que até hoje, 3 anos após sua morte é difícil pensar em tudo isso, em como as coisas acontecem... Já me revoltei com Deus, já pensei o porquê de tudo isso... Mas hoje vejo que conhecer o trabalho de HEATH foi a melhor coisa que já me aconteceu...
Penso muito nele, sonho com ele e choro quando tem que chorar.
Assisti “O Mundo Imaginário do Dr. Parnassus” em janeiro de 2011, dia 22, completando 3 anos de morte. Havia ganhado o DVD no Natal e não existia ata mais apropriada para fazê-lo. Chorei, sim e muito e sinto que ainda vou chorar, assim como choro em alguns filmes dele.
Assisti Batman na estreia, dia 18 de julho de 2008, foi diferente do que eu imaginava que ia ser antes de HEATH morrer... Senti uma alegria imensa vendo o Coringa, mas também um misto de nostalgia e tristeza...
Mas não tem importância, o que realmente importa é que ele existiu e eu tive a oportunidade de ser sua fã.
Ainda sonho muito em ir para Austrália ano que vem, conhecer Perth e ver as homenagens prestadas a ele e prestar a minha também.
HEATH fez com que eu mudasse a forma de ver certas coisas, me abriu as portas de um mundo mágico de filmes. Ele foi o pioneiro na minha paixão pelas histórias porque ele fez filmes realmente muito bons, diversificados, com mensagens muito bonitas. Já assisti (e tenho) a grande maioria. Apenas NÃO vi “Paws”, “Two Hands” e “Assassinato em Blackrock”, porque não achei em lugar nenhum...
Quero, um dia, encontrá-lo no céu e abraçá-lo, dizer *obrigada* por tudo que, de alguma forma, ele fez por mim.
Enquanto aguardo esse dia chegar, vou vivendo cada dia e sempre que posso, mostro algum filme do HEATH ou falo sobre ele com as pessoas para que saibam quem foi esse ator, assim é uma amaneira de mantê-lo vivo.
Sinto-me orgulhosa quando “faço” algum amigo virar fã dele também. Apesar de sua morte, os fãs continuam vivos e os filmes também. Adoro quando alguém me pergunta: “Você TAMBÉM é fã do HEATH LEGER?” e eu respondo (de boca cheia): “SOU!”, o quando falam que alugaram algum filme dele, ou viram que passou na TV. Adoro isso!!
HEATH foi e na verdade É o homem dos meus sonhos, talentoso e provou pra todo mundo que não era “só um rostinho bonito”. Sempre serei sua fã e “nossa” história já é como se fosse um roteiro de cinema, onde ele seria o MEU personagem principal, MEU par romântico. Um filme com um caráter trágico, mas com uma mensagem bonita. HEATH apareceu na minha vida não por acaso, deve ter tido um porque e eu quero um dia descobrir (se já não descobri, mas ainda não sei..).
Ele é o ASTRO dessa parte da minha história, que eu levarei para sempre comigo.
E, se um dia eu tiver um filho, o nome já está escolhido: HEATHCLIFF.

Parabéns, HEATHCLIFF ANDREW LEDGER pelos seus 32 anos que você completaria hoje se estivesse aqui. Mas sei que você deve estar comemorando onde quer que esteja, assim como nós.
*Wish You Were Here*. Always...

Da sua fã,
Raquel Morelli.



Marina Fontanelli 


Só alguem como você


Não tenho com negar
Você na minha vida
Fez uma parte importante.

Foi como um pai, irmão e amigo
Não sei nem como pode acontecer isso
Se voce não esta presente.

Mas sua alma é tão intensa
Que sempre marca presença
No meu coração.

Meu amado querido
Que ja foi cavaleiro e policial
Cowboy e viajante...

Tudo o que queria ser era
Ele era tudo o que queria
Ele era Heath Ledger.

Marina Fontanelli



Marina Lena
Essa homenagem é bem simples,mas foi feita com todo o amor que eu tenho por ele, eu escervi alguns trechos de uma musica maravilhosa chamada:


I'll see you again(westlife) que descreve perfeitamente não só a minha,mas a nossa situação em relação a ele.

Karine Greg




Jhonathan Lopes


E mais um ano que se completa de uma história inacabada.
História inacabada que nem assim deixa de ser perfeita.
Não é preciso enumerar ou dizer como é perfeita essa história é pra tanta gente.
São trinta e dois anos da história de Heath Ledger; trinta e dois anos de sorrisos, humildade e talento.
História que mesmo sendo interrompida há alguns anos, não deixou de ser brilhante.
E agora, as memórias de como foi linda essa história, mantém acesa a chama da saudade dentro de algumas pessoas.
E por isso hoje, em mais um quatro de abril eu te desejo onde quer que esteja um Feliz Aniversário Heath.
Jhonathan Lopes, 17 anos

Nota do HLB: Muito obrigada a todos que mais uma vez colaboraram para a elaboração de uma bela homenagem.

Cristal Gomes

5 comentários:

rafael disse...

LINDA A HOMENAGEM PRO HEALTH LEDGER SAUDADES ETERNAS DE VC O BLOG E MARA VILHOSO PARABENS CRISTAL BEIJO LISA STAUB.

AninhaPreto disse...

Que liiiiindo! Chorei! Mas hoje é dia de comemorar! Afinal fazem 32 anos que a Sally e o Kim colocaram essa coisa linda no mundo!

Heath I love You!

Parabéns pelo blog e pela homenagem Cristal!

bjs

Marina disse...

HEATH VOCÊ VIVE AINDA EM NOSSOS CORAÇÕES!!!!!!
EU TE AMO CAVALEIRO!!!!!!!
SAUDADES, DE TODOS NÓS AKI!!!!
fELICIDADES!

demidemimoore disse...

LINDO LINDO LINDO ! O HEATH ERA MUITO LINDO, E HOJE ME PEGUEI VENDO UM EXEMPLAR DE UMA W MAGAZINE AMERICANA QUE TENHO AQUI, E TEM UMA REPORTAGEM DELE DENTRO DA REVISTA, COM DUAS FOTOS QUE DEU VONTADE DE CHORAR ATE DE TAO LINDO QUE ELE TAVA. SINTO MUITA FALTA DELE )=

UM SUPER BEIJO PRA ELE AONDE ELE ESTIVER.

RUBER

Anônimo disse...

Eterno.